segunda-feira, 9 de junho de 2014

SKINCARE | The Body Shop Camomile Silky Cleansing Oil (Review)

Hoje venho falar-vos de um produto de skincare da The Body Shop, neste caso um produto de limpeza - Camomile Silky Cleansing Oil. Sei que as pessoas de pele mista/oleosa ficam um pouco de pé atrás com óleos para o rosto; no entanto, eu própria tenho a pele mista e o óleo da TBS não me torna a pele mais oleosa. A ideia deste óleo vem da regra geral da solubilidade, regra essa que determina que semelhante dissolve semelhante, ou seja, este óleo é capaz de dissolver a oleosidade cutânea (embora a manutenção de alguma oleosidade faça parte e seja importante para a barreira hidro-lipídica que a nossa pele forma).



Costumo utilizar óleos desmaquilhantes quando aplico bases de longa duração, uma vez que tornam a remoção da base bastante mais fácil. Eu utilizo este óleo da seguinte forma: aplico 1 ou 2 pumps de óleo numa mão, espalho o produto em ambas as mãos e aplico no rosto seco em movimentos circulares, com uma ligeira massagem. Aplico também na região dos olhos, com cuidado para o óleo não entrar em contacto directo com os olhos, apenas com a pele (e as pestanas). Após ter o produto bem espalhado, molho o rosto e massajo com movimentos circulares durante uns segundinhos. Conforme o óleo contacta com a água, começa a tornar-se numa emulsão de aspecto leitoso, sendo mais fácil de remover sem deixar resíduo oleoso (embora seja preciso algum tempo para remover a totalidade do óleo do rosto). Depois é só enxaguar para remover o produto.
DICA | Em vez de utilizarem apenas água fria para remover (como eu), podem utilizar também uma toalha quente molhada.



Após remover o óleo com água, passo com um disco de algodão embebido em água micelar ou tónico para garantir que removi todos os resíduos de maquilhagem. O resultado é uma pele limpinha e macia, muito confortável. Este óleo está indicado para todos os tipos de peles, incluindo peles sensíveis.



A embalagem é de plástico, tem doseador (que às vezes tem tendência a "espirrar" um pouco) com travão de segurança e traz 200 mL de produto.

Para além do óleo de camomila, este óleo desmaquilhante contém óleo de soja, óleo de amêndoas doces, óleo de sementes de girassol e óleo de sementes de sésamo.

Para os interessados, a lista de ingredientes: Glycine Soja Oil/Glycine Soja (Soybean) Oil (Emollient/Skin Conditioner), Prunus Amygdalus Dulcis Oil/Prunus Amygdalus Dulcis (Sweet Almond) Oil (Skin-Conditioning Agent), Helianthus Annuus Seed Oil/Helianthus Annuus (Sunflower) Seed Oil (Emollient), C12-15 Alkyl Benzoate (Emollient), Caprylic/Capric Triglyceride (Emollient), Ethylhexyl Palmitate (Skin Conditioning Agent), Isohexadecane (Emollient/Solvent), Polysorbate 85 (Surfactant-Emulsifying), Sorbitan Trioleate (Surfactant-Emulsifying), Sesamum Indicum Seed Oil/Sesamum Indicum (Sesame) Seed Oil (Skin-Conditioning Agent), Octyldodecanol (Emollient), Parfum/Fragrance (Fragrance), Linalool (Fragrance Ingredient), Tocopherol (Antioxidant), Limonene (Fragrance Ingredient), Anthemis Nobilis Flower Oil (Fragrance/Essential Oil), Citric Acid (pH Adjuster).

Só uma pequena nota em relação aos ingredientes: o óleo de camomila (na lista de ingredientes como Anthemis Nobilis Flower Oil) é o penúltimo ingrediente na lista, ou seja, seguindo a regra da lista dos ingredientes que nos diz que "os ingredientes são apresentados por ordem de quantidade, sendo o primeiro o que existe em maior quantidade e o último o que existe em menor quantidade", o óleo de camomila é um dos ingredientes em menor quantidade neste desmaquilhante. Pergunto-me se fará sentido este óleo ser o "Camomile Silky Cleansing Oil"? (Se calhar mais valia ser o "Soybean Silky Cleansing Oil")




De qualquer das formas, é um óleo que funciona bem. O único senão é o facto de a sua remoção ser um pouco demorada, caso contrário, acabamos por ficar com uma certa sensação de oleosidade no rosto, que pode ser um pouco incomodativa.
Quem já experimentou? Podem encontrá-lo nas lojas TBS por 16€ (se não estou em erro).
Beijinhos*

16 comentários:

  1. Gostei ^^ assim que acabar o meu da super facialist tenho de experimentar esse.
    itskindaofmessy.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda não experimentei o da Super Facialist, mas já ouvi falar muito bem!

      Eliminar
  2. Devo confessar que o ia comprar, mas não o fiz mesmo por ser um óleo e eu ter a pele mista. Acabei por trazer o mesmo desmaquilhante, mas em creme. Tenho de experimentar este óleo depois de o acabar :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não noto que pese na minha pele, mas a verdade é que, como disse, ainda passo uma água micelar depois de o utilizar ;) Espero que gostes deste.

      Eliminar
  3. Não conhecia esse produto mas parece ser óptimo!

    ResponderEliminar
  4. ADORO usar oleo para retirar a maquiagem, acho mto eficiente. Bom saber sobre esse da TDB!

    bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até as bases mais teimosas saem mais facilmente ;)

      Beijinhos*

      Eliminar
  5. Bem visto essa da camomila xD
    Anyway, eu uso-o há alguns meses e adoro-o, sobretudo para tirar a máscara (ando a utilizar uma que osso duro de roer...) e a base.
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também gosto de massajar nas pestanas para ajudar a remoção da máscara ^^

      Beijinho*

      Eliminar
  6. Eu tenho a manteiga e acho fenomenal mas vai na volta e esse faz o mesmo efeito e é mais prático! Tenho de experimentar ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda não experimentei a manteiga. Se chegares a experimentar este depois diz de qual gostas mais ;)

      Eliminar
  7. Yay, o Oil Cleansing a chegar a Portugal! =D
    Só uma nota, os óleos para a pele têm sempre, obrigatoriamente, de ser baseados num óleo neutro (girassol ou soja, por exemplo) porque os óleos ditos "essenciais" (ricino, lavanda, tea tree, camomila, etc.), que são os que realmente reagem com a pele, são demasiado agressivos para usar directamente. Funciona como os medicamentos, o óleo essencial é o princípio activo, dá o nome e a reactividade, e o "resto" é o excepiente, que não sendo activo também é necessário. =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo esclarecimento Ana! Ainda assim acho que aparecer meeeesmo no finzinho é um pouco estranho x) Sabia que o óleo de lavanda era agressivo, mas não tinha a certeza se era uma coisa geral dos óleos "essenciais".

      Eliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...