sexta-feira, 12 de julho de 2013

HEALTH | Compeed - a minha experiência

Já vos apresentei os pensos Compeed anti-bolhas aqui (fui seleccionada para a campanha através do Embaixadores), e hoje venho falar-vos um pouco da minha experiência. Com este calor infernal, os meus pés não aguentam sapatos fechados. Quando calço sapatos fechados só consigo andar de meias e é complicado utilizar meias com sabrinas quando andamos com as pernas de fora, pois mesmo aquelas meias bem pequenas acabam por ficar visíveis na maioria das vezes. Ainda assim aqui há dias, mesmo de meias, consegui fazer bolhas na zona acima do calcanhar (com umas sabrinas que estão mais do que batidas e que não costumam aleijar-me), coisa que não é muito comum. Aproveitei então para dar uso aos meus pensos da Compeed.



Confesso que as bolhas não foram exactamente grandes ou problemáticas ao ponto de ficarem com líquido ou que precisassem de ajuda a secar. O que acontece é que eram bastante incomodativas quando queria calçar sabrinas novamente. Num destes dias rumei a Lisboa com umas sabrinas nos pés, e com uns pensos rápidos que estavam mais à mão a tapar as ditas bolhas (ou o que restava delas). Passado um bocado, comecei a sentir aquela dor bastante incomodativa e... os pensos já não estavam no local. A minha sorte foi que tinha colocado os Compeed na mala antes de sair. Coloquei-os facilmente e digo-vos que o alívio da dor foi imediato. Os pensos têm um certo volume e ajudam a amortecer a fricção dos sapatos. Para além disso, aguentaram o tempo todo sem sair do sítio ou enrugar. Mesmo após um duche, permaneceram impecáveis. São muito confortáveis e parecem quase uma segunda pele. Não são totalmente invisíveis, mas também não se notam muito. Passado algumas (bastantes) horas começam a levantar um pouco no contorno, mas ainda assim permanecem bem seguros sem sair do local. Pelo menos foi assim que funcionaram comigo!



A única crítica que faço a estes pensos é a película protectora. Aconteceu-me de todas as vezes que os usei menos quando ia tirar fotografias para vos mostrar. Depois de tirar as duas protecções principais, ficava sempre um bocadinho de papel milimétrico agarrado ao penso que muitas vezes teimava em não sair! Se eu pudesse mudar alguma coisa nestes pensos, mudava isto. Bastam 2 protecções como os pensos ditos "normais" e como me aconteceu da última vez que os usei (quando tirei as fotografias).




Os pensos vêm numa caixinha jeitosa para andar dentro da mala (se bem que eu acho que lá cabiam mais 2 ou 3 pensos).



Dá-me ideia que estes pensos ajudaram à cicatrização das minhas bolhas, pois não cheguei a formar crosta. Fiquei com uma marca no local das bolhas, mas sem relevo.

Portanto, não sei ao certo quanto ao efeito de cicatrização, mas quanto ao efeito protector estão aprovados! Não nos deram preços, mas pelo que pude apurar, os pensos médios custam entre 6 e 7€. Assim já dá para ter uma ideia.
Espero que a minha experiência vos tenha sido útil!
Beijinhos*

2 comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...